Sandra Lima
Correspondente da TV LOKAL em Jacarepaguá
Produtora de Audiovisual
E-MAIL: sandralimaprodutora@gmail.com



Exército ocupa Favela da Coreia, na Zona Oeste do Rio, para eleições



A Favela da Coreia, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, foi ocupada, na manhã desta sexta-feira (5), por 300 homens da Brigada de Infantaria do Exército para garantir a segurança de fiscais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que têm a missão de combater a propaganda irregular em comunidades do Rio. Segundo o juiz eleitoral André Ricardo Ramos, cerca de uma tonelada de material, em média, tem sido apreendida em cada comunidade desde o início das ocupações na segunda feira (1). "Temos retirado muita propaganda irregular de estabelecimentos comerciais, o que é extremamente proibido. Sem contar dos bens públicos, como postes de via pública", afirmou o magistrado, ressaltando que 30 fiscais estão responsáveis pelo trabalho na Favela da Coreia. Por volta de 10h30, o presidente do TRE-RJ, Luiz Zveiter, chegou de helicóptero à comunidade para acompanhar o início das ações de fiscalização. O desembargador destacou que está sendo muito importante a atuação do Exército e da Marinha. " A própria comunidade está verificando que está sendo dada tranquilidade para que, no dia 7, aconteça uma grande festa da democracia. Estamos fazendo tudo isso para dar segurança ao eleitor", disse Zveiter, acrescentando que os moradores não devem ceder à pressão de candidatos, já que apenas o eleitor pode saber em quem votou. Nesta sexta-feira, outras três comunidades foram ocupadas por homens do Exército: Muzema, Jardim Maravilha e Carobinha, também na Zona Oeste da cidade. Dezoito comunidades do Rio já receberam reforço de militares na segurança e, até domingo (7), dia das eleições municipais, serão 28.

Fonte: G1

Página Inicial