Braço direito do traficante Matemático é preso em ação no Rio, diz polícia



Polícia Civil fez operação na Favela Vila Kennedy, na quinta-feira (19). Joãozinho da Vila Kennedy tem seis passagens pela polícia.

Um homem apontado como braço direito do traficante Matemático foi preso, na quinta-feira (19), após uma operação da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) na Favela Vila Kennedy, na Zona Oeste do Rio. As informações são da Polícia Civil.

Segundo a polícia, Joãozinho da Vila Kennedy, ou Joãozinho Olho de Vidro, como é conhecido, tem seis anotações criminais por homícidio, formação de quadrilha e tráfico de drogas.

No início de abril, uma jovem de 19 anos, apontada como namorada do Matemático, foi detida em uma operação na Favela da Coreia, em Senador Camará, na Zona Oeste. Ela foi indiciada por associação para o tráfico, de acordo com a Secretaria de Segurança. Na mesma operação, o traficante conseguiu escapar da operação da PM e foi indiciado no mesmo inquérito por associação para o tráfico, porte ilegal de arma e resistência.

De acordo com o Disque-Denúncia, há uma recompensa de R$ 3 mil por informações que levem à prisão de Matemático. Ele, que é apontado como chefe do tráfico de drogas nas favelas de Senador de Camará, é foragido do sistema penitenciário.

Ainda segundo o Disque-Denúncia, o traficante é o principal alvo da polícia no Rio de Janeiro, com pelo menos nove mandados de prisão expedidos contra ele, em diversas varas criminais do estado.

Fonte:g1.globo.com

Página Inicial